Transportes

Notícias

Teleférico do Complexo do Alemão: 1º dia de funcionamento com o novo operador

 08/03/2016 - 16:28h - Atualizado em 08/03/2016 - 16:28h

Consórcio Rio Teleféricos assumiu a operação, manutenção e conservação do sistema nesta terça-feira, 8/3


O secretário de Estado de Transportes, Rodrigo Vieira, e o presidente da Central Logística, Roberto Marques, realizaram visita técnica ao Teleférico do Complexo do Alemão, acompanhados do gerente de operações do consórcio Rio Teleféricos, Marcos Medeiros, nesta terça-feira, 8/3, primeiro dia do teleférico sob nova administração.

O valor mensal do contrato com o consórcio é de R$ 2.706.400,00, bem abaixo dos R$ 3.300.000,00 pagos pelo Governo do Estado à operadora anterior. A economia para os cofres públicos, durante os 36 meses contratuais, será de aproximadamente R$ 22 milhões.

 

- O consórcio Rio Teleféricos tem expertise na operação do teleférico do Morro da Providência. Assim como o serviço prestado naquela comunidade, acreditamos que teremos para o Complexo do Alemão um atendimento de excelência à população – falou o secretário Rodrigo Vieira.

 

O compromisso da Rio Teleféricos é monitorar constantemente o desempenho da operação, que inclui itens como o índice de satisfação dos usuários, plano de manutenções preventivas, acessibilidade, limpeza, segurança e atendimento nas seis estações: Bonsucesso, Adeus, Baiana, Alemão, Itararé e Palmeiras. Também ficará responsável pela instalação de um posto fixo de cadastramento de moradores na estação de Bonsucesso.

 

- Essa é a nossa missão: atender as pessoas com eficiência operacional e dignidade no atendimento. Futuramente, com a ampliação dos horários e incluindo os domingos na programação, estaremos contemplando um número maior de pessoas que precisam usar o teleférico na volta dos estudos ou do trabalho para casa e até mesmo nos momentos de lazer – afirmou o gerente de operações do consórcio Rio Teleféricos, Marcos Medeiros.

 

Horário será ampliado

 

O funcionamento do teleférico, inicialmente, será mantido das 6h às 21h nos dias úteis e das 8h às 16h aos sábados. Após, no máximo, 60 dias, a operação será ampliada: de 6h às 22h de segunda a sexta e de 8h às 20h aos sábados, domingos e feriados.

 

A gratuidade aos moradores será mantida, assim como a tarifa de R$ 5 para visitantes, a tarifa social R$ 1 para usuários do Bilhete Único Intermunicipal.

 

- O teleférico é muito bom para a comunidade do Complexo do Alemão. Antigamente, a gente tinha que subir escadaria, pegar moto táxi, e hoje a gente usa o teleférico para ir à cidade e a outros pontos da comunidade. Espero muito mais melhorias nesse serviço - disse Danusia Teixeira, presidente da Associação de Moradores do Morro do Adeus.

 

O Teleférico do Complexo do Alemão foi inaugurado em 7 de julho de 2011 e, desde então era operado pela SuperVia. Primeiro sistema de transporte de massa por cabos no Brasil e integrado à rede ferroviária, alcançou a marca total de mais de 13 milhões de passageiros transportados e, atualmente, registra 9 mil embarques por dia.

 

A empresa

 

O Consórcio Rio Teleféricos é formado pelas empresas Hanover Administradora de Bens Próprios Ltda. e Providência Teleféricos Ltda. Esta última opera o Teleférico da Providência, inaugurado pela Prefeitura do Rio em julho de 2015, que liga a Praça Américo Brum, no alto do morro da Providência, à Central do Brasil e à Cidade do Samba, na Gamboa, com três estações. A viagem percorre 721 metros em aproximadamente cinco minutos.

 


Fotos: Henrique Freire 




Encontre em um mesmo espaço serviços públicos facilitando a vida do cidadão e do empresário.

Diário Oficial

  

 

PROGRAMAS E AÇÕES

___________________   Participe das redes sociais    _____________________