Segurança

Notícias

DRACO/IE prende miliciano no Recreio dos Bandeirantes

 10/11/2017 - 10:57h - Atualizado em 10/11/2017 - 10:58h


Policiais da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e de Inquéritos Especiais (DRACO- IE) e da 59 Delegacia de Polícia- Duque de Caxias- prenderam, na tarde de hoje, Nilton Alves Soares da Silva, conhecido como “Gordinho” ou “Super Choque.”

 

Ele estava em um imóvel na comunidade do Terreirão, no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste da cidade. Contra Nilton havia dois mandado de prisão pelos crimes de homicídio e constituição de milícia privada.

 

Nilton foi um dos alvos da operação Gás Over, deflagrada em outubro deste ano pela DRACO/IE e pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense( DHBF), com o objetivo de cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão contra um grupo de milicianos com atuação na Vila Urussaí, em Saracuruna, na Baixada Fluminense.

 

O objetivo era combater a atuação de milicianos suspeitos de venda ilegal de gás, exploração de uma central clandestina de distribuição de tv a cabo, empréstimos de dinheiro a juros abusivos e furto de combustível, cujo desvio seria feito diretamente na tubulação de óleo da Petrobrás.

 

Na disputa pelo monopólio da venda de botijões de gás, dezenas de pessoas foram mortas. Os dois últimos casos aconteceram em setembro.

 

Nilton Alves Soares da Silva é acusado, junto com com Cirley Fonseca dos Santos, Jonathan, o "X9 do Rasta" e um homem conhecido como Fernando de matararem a tiros Bruno da Silva Braz e Inacio Fonseca de Fontes. Segundo as investigações, as vítimas trabalhavam como pedreiros e entregavam botijões de gás em uma loja da região.

O crime teria sido praticado a mando de Pedro Paulo Silva Fiqueiredo em represália à morte do miliciano Gustavo da Silva Figueiredo e de seu enteado Kaiky Lucas Correia, de 13 anos, acontecido dias antes.

 

“ Na operação do mês de setembro, a polícia coletou dados de inteligência e mapeou a região para que novas ações de combate fossem planejadas. E a Draco continua em busca dos foragidos”, afirmou o delegado Alexandre Herdy, titular da especializada.

 

A população pode ajudar com informações ligando para o Disque- Denúncia: 2253-1177




Encontre em um mesmo espaço serviços públicos facilitando a vida do cidadão e do empresário.

Diário Oficial

  

 

PROGRAMAS E AÇÕES

___________________   Participe das redes sociais    _____________________