Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Social

Notícias

Novas turmas do PTPA começam na semana que vem em seis unidades da FIA no Estado

 01/03/2018 - 14:14h - Atualizado em 01/03/2018 - 14:20h
 » Paula Christóvão

Jovens serão preparados para o mundo do trabalho e serão encaminhados para estágios


 A trajetória de vida de 305 jovens está prestes a mudar. Na próxima segunda-feira, dia 05 de março, começam as aulas das novas turmas do PTPA - Programa de Trabalho Protegido para Adolescente (PTPA), da Fundação para a Infância e a Adolescência (FIA), vinculada à Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia, Inovação e Desenvolvimento Social. Durante três meses, com aulas de segunda a sexta-feira, eles terão reforço escolar, com instrução de português e matemática, noções de administração, ética e cidadania, informática, atividades extracurriculares, palestras sobre empreendedorismo, para além de educação financeira e atividades culturais. Tudo isso como preparação para o mundo do trabalho. Depois de formados, os participantes são encaminhados para estágio em empresas parceiras, privadas e governamentais, onde ficarão até completarem 18 anos.

 


“O PTPA é um programa de inclusão social que oferece uma primeira experiência no mundo do trabalho aos adolescentes. Nós dizemos que esse curso é o primeiro degrau na vida deles. Eu tenho certeza que podemos ter um mundo melhor e esses jovens são a prova disso”, ressalta a presidente da FIA, América Tereza Nascimento da Silva.

 

A gestora do programa, Fabiana de Azevedo Soares, destaca a importância do PTPA para os jovens:

 

“Eu acredito neste programa justamente por ser uma oportunidade de transformação na vida do adolescente e de suas famílias que tem acesso a ele. O objetivo é construir a autonomia deste jovem, com acompanhamento, visando sua permanência no universo escolar, capacitando-o, paralelamente, para o acesso e permanência no mercado através do estágio, até completar maior idade. Dar continuidade aos estudos é fundamental para o desenvolvimento desse jovem”.

 

As aulas serão realizadas nas unidades da FIA de Santa Cruz, Ipanema, Padre Miguel, Maracanã, Nova Iguaçu e Cidade de Deus, que está sendo reativada depois de Da última turma, que se formou em janeiro deste ano, todos os jovens estão trabalhando. Assim, o adolescente que concluiu o PTPA tem um estágio garantido até os 18 anos, podendo ser efetivado pela empresa contratante.

 

Para fazer inscrição no curso, o adolescente deve ter, no máximo, 15 anos e seis meses de idade, e basta entrar em contato com a FIA. O objetivo do programa é oferecer aos adolescentes, de ambos os sexos, a oportunidade de inserção qualificada no mundo do trabalho a partir das articulações e parcerias promovidas pela Fundação para a Infância e Adolescência com instituições públicas e privadas.




Encontre em um mesmo espaço serviços públicos facilitando a vida do cidadão e do empresário.

Diário Oficial

  

 

PROGRAMAS E AÇÕES

___________________   Participe das redes sociais    _____________________