Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação

Notícias

Secretário Leonardo Rodrigues e subsecretaria de Ensino Superior, Pesquisa e Inovação, Maria Isabel Souza visitam a UEZO

 08/02/2019 - 16:59h - Atualizado em 08/02/2019 - 16:59h

Promover a integração da SECTI, a universidade e os setores produtivos e de serviços da região é o foco da pasta


Com um enorme potencial de formação de jovens inovadores e empreendedores em diversas áreas da engenharia, ciências biológicas e da computação, a primeira e única instituição estadual de ensino superior da Zona Oeste do Estado do Rio de Janeiro - a Fundação Centro Universitário Estadual da Zona Oeste (Uezo) - localizada estrategicamente em Campo Grande, próxima a outros grandes distritos industriais (Bangu e Santa Cruz), recebeu nesta sexta-feira (08.02), a visita do secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI), Leonardo Rodrigues e da subsecretária de Ensino Superior, Pesquisa e Inovação, Maria Isabel Souza.

 

O gestor da pasta juntamente com a subsecretária foram conhecer as instalações da Uezo e ouvir as demandas do corpo docente, técnico e discente com o objetivo de promover a integração entre o governo do Estado, através da SECTI, a universidade e os setores produtivos e de serviços da região.

 

Durante a visita, o secretário conheceu vários laboratórios de pesquisa, entre eles: o Laboratório de Terapia e Fisiologia Celular e Molecular e o de Tecnologia em Polímeros. Leonardo enalteceu a excelência dos equipamentos de última geração, a dedicação e o empenho dos profissionais da universidade. “Nesta primeira visita estamos tomando conhecimento das demandas e dificuldades da Uezo. A partir deste primeiro diagnóstico, vamos mapear as prioridades e começar a fazer as mudanças tão logo seja possível. Nesse primeiro momento, peço a todos um pouco de paciência... Vamos virar o jogo e superar os desafios! No quadro da nossa secretaria temos técnicos que estão comprometidos e com vontade de fazer o Estado crescer novamente. Meu compromisso é com a verdade! A universidade tem um potencial enorme. Os laboratórios podem fazer um projeto para a FAPERJ e obter a certificação ISO de qualidade, assim vocês poderão certificar os procedimentos e trabalhar para o mercado. Podemos ampliar o potencial de criação que existe na Uezo, pois os cursos oferecidos aqui são áreas promissoras”, afirmou o secretário.

 

A subsecretária de Ensino Superior, Pesquisa e Inovação, Maria Isabel de Castro Souza, pontuou que a SECTI irá trabalhar de forma transversal e única entre as vinculadas e o governo do Estado. No cronograma elaborado pela subsecretaria está previsto: um mapa de georreferenciamento com informações estratégicas de cada uma das vinculadas; uma feira de estágios envolvendo a SECTI, as vinculadas e o Sebrae; parceria coma SEEDUC no Programa Capacita-Rede; e um calendário de eventos que ocorrerão ao longo do ano de 2019. 


  • Fotos



Encontre em um mesmo espaço serviços públicos facilitando a vida do cidadão e do empresário.

Diário Oficial

  

 

PROGRAMAS E AÇÕES

___________________   Participe das redes sociais    _____________________