Imprensa RJ

Notícias

Detran

Detran adere à campanha Pedal da Paz

 18/05/2017 - 20:13h - Atualizado em 18/05/2017 - 20:23h
 » Ascom do Detran

Neste domingo, centenas de bicicletas pedalam no Aterro do Flamengo em defesa da paz no trânsito


 O Detran e o Governo do Estado do Rio de Janeiro, em apoio à campanha Maio Amarelo, participa do passeio ciclístico Pedal da Paz. A ‘bicicletada’ acontecerá neste domingo (21/5), com partida em frente ao Museu de Arte Moderna (MAM), no Aterro do Flamengo, e seguirá até a Urca.


A ação é coordenada em conjunto pelo Poder Público e a sociedade civil e visa chamar a atenção para o alto índice de mortos e feridos no trânsito em todo o mundo. Este ano, além de promover a paz no trânsito, o evento escolheu a bicicleta para lembrar que não devemos priorizar os veículos motorizados em detrimento dos outros usuários da via. O objetivo é conscientizar sobre a necessidade de considerar que o espaço público deve ser democrático e pertence a todos.

O encerramento da ação será na Urca, no ponto em frente ao acesso ao bondinho do Pão de Açúcar. No local, o Detran realizará atividades lúdicas de ensinamento das regras de trânsito para crianças. Cinco motoristas de ônibus serão premiados por cordialidade e respeito às regras de trânsito e aos usuários mais vulneráveis, como pedestres e ciclistas. Cada um desses profissionais receberá quatro ingressos para o passeio turístico do bondinho do Pão de Açúcar.

 

Números

No Rio, em 2016, 36.726 pessoas foram vítimas (entre feridos e mortos) nas estradas e ruas do estado, segundo dados do Detran e do ISP (Instituto de Segurança Pública) . Em 2015 no Estado do Rio foram 42.153 vítimas. Destes, 4% (1.618) foram vítimas fatais.

Além disso, segundo estimativas divulgadas no ano passado pela Organização Mundial de Saúde, a taxa foi de 23,4 mortes no trânsito para cada 100 mil habitantes no Brasil. O país registrou ainda o quarto pior desempenho do continente americano, atrás de Belize, República Dominicana e Venezuela – campeã de acidentes na região com 45,1 mortes por 100 mil habitantes.
 

Até 2030, a OMS estima que o número de mortos nas estradas em todo o mundo poderá chegar a 1 milhão por ano.


Lei Seca

O número de pessoas alcoolizadas flagradas ao volante vem caindo gradualmente no Estado do Rio de Janeiro desde 2009, quando foi iniciada a Operação Lei Seca, também apoiada pelo Detran. No ano em que começou a operação, o percentual de motoristas abordados embriagados nas blitzen era de 7,9%. Passados oito anos esta média caiu para 4,5%, ou seja, houve queda de 43% na incidência de alcoolemia.
 




Encontre em um mesmo espaço serviços públicos facilitando a vida do cidadão e do empresário.

Diário Oficial

  

 

___________________   Participe das redes sociais    _____________________