Imprensa RJ

Notícias

Esporte, Lazer e Juventude

Parque Aquático Julio de Lamare é reaberto

 04/11/2013 - 19:44h - Atualizado em 04/11/2013 - 19:44h
 » Ascom da Secretaria de Esporte e Lazer

Alunos já podem voltar às aulas de hidroginástica e natação


O Parque Aquático Julio de Lamare, no Maracanã, Zona Norte do Rio, voltou a funcionar nesta segunda-feira (04/11) e já está pronto para receber os alunos – 9 mil é a capacidade total – para aulas de hidroginástica e natação. Além disso, o local também está aberto para os atletas de alto rendimento das equipes do Brasil de nado sincronizado, saltos ornamentais e natação, que poderão voltar a treinar visando à disputa dos Jogos Olímpicos de 2016.


- As Olimpíadas estão batendo à nossa porta e o Julio de Lamare é um equipamento importantíssimo. O Governo atendeu a solicitação da comunidade dos esportes aquáticos e não deixou que o parque fosse derrubado – comemorou o presidente da Superintendência de Desportos do Estado do Rio (Suderj) e secretário de Esporte e Lazer, André Lazaroni.

Com a retomada do parque aquático pelo Governo do Estado, através da Suderj, ficou decidido, em julho, que o equipamento não seria mais demolido e que melhorias seriam realizadas, como a reforma do tanque seco (local de treinamento dos saltos ornamentais) e a instalação de um placar eletrônico (cronômetro) na piscina principal. Lazaroni informou que a fase de licitação dessas obras deverá levar quatro meses, sendo finalizada em março, e as obras em si, mais dois meses até ficarem prontas.

Durante a reabertura do conjunto de piscinas, o público pôde acompanhar apresentações de atletas de saltos ornamentais e nado sincronizado e da seleção brasileira de juniores, Geração Rio 2016.

- Estamos retomando as atividades e trazendo as seleções olímpicas para cá. Esses atletas estarão treinando aqui a partir de agora, e isso é uma vitória muito grande – comentou o presidente da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA), Coaracy Nunes.

Fundada em 2002 com o objetivo de reunir e preparar os atletas do Rio de Janeiro, a Associação Peneira Olímpica (Apoe) também será beneficiada. As atletas da Apoe, que estavam, até ontem, treinando nas piscinas do Fluminense, voltaram a utilizar as estruturas do Julio de Lamare.

- Aqui sempre foi a nossa casa. Já estamos adaptados e é mais confortável. Toda a equipe está treinando para uma vaga nas Olimpíadas. Estou trabalhando muito para isso e espero ser a representante do Brasil – comentou a saltadora Mônica Amaral, de 19 anos.

A viúva do jornalista Júlio de Lamare, Míriam de Lamare, também esteve presente ao evento e não escondeu a felicidade ao ver o complexo recebendo novamente os atletas.

- Foi uma grande alegria esse anúncio. É uma conquista importante. Acho que o Júlio estava lá em cima torcendo muito com a gente – celebrou Míriam.

Além dos competidores de ponta, os alunos já poderão voltar às aulas de hidroginástica e natação. A partir de agora, os antigos alunos que já tiverem em mãos um atestado médico que comprove a aptidão para a prática esportiva, referente ao ano de 2013, já poderão comparecer às aulas.

- Depois desse primeiro passo, vamos saber quantos alunos antigos vão retornar a treinar. Eles terão prioridade. Depois disso, acreditamos que, em janeiro, poderemos receber novas inscrições – explicou a professora Soraya Begum.

O Parque Aquático Júlio de Lamare funcionará das 7h às 17h, de segunda a sexta-feira, e também terá aulas para a terceira idade e para portadores de necessidades especiais.
 




Encontre em um mesmo espaço serviços públicos facilitando a vida do cidadão e do empresário.

Diário Oficial

  

  

 

___________________   Participe das redes sociais    _____________________